sexta-feira, 19 de julho de 2013

Sistema de internet por fibra ótica deve chegar a 65% dos municípios de RO

Ministro das Comunicações autorizou ligação de parte da Infovia.
Primeira etapa vai beneficiar órgãos públicos de 12 dos 52 municípios.

G1 - 19/07/2013

Um termo de ajuste que dá permissão ao Governo de Rondônia para acionar uma parte do sistema de internet através de fibras óticas implantadas no estado, a Infovia, foi assinado nesta quinta-feira (18) pelo ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, presidente da Telecomunicações Brasileiras (Telebras), Caio Bonilha, e governador Confúcio Moura. Até o fim do ano, segundo a Telebras, cerca de 65% dos municípios devem receber o sistema.

Para fazer a interligação no estado, o governo vai usar o linhão onde o ponto de partida fica na subestação coletora Eletrosul, em Rondônia. Já estão prontos os primeiros 23 quilômetros de fibras que ligam a subestação ao Palácio Rio Madeira, em Porto Velho, onde alguns equipamentos para a montagem da central da Infovia já estão montados, além de outros 55 quilômetros dentro da capital, interligando escolas, delegacias e diversos órgãos públicos.

O presidente da Telebras contou que na primeira etapa do projeto 12 dos 52 municípios do estado, incluindo a capital, serão beneficiados pela ligação da Infovia. “Ainda neste ano devemos interligar mais 11 municípios e com isso, até o fim do ano, atenderemos 65% da população de Rondônia”, explica.

Confúcio afirmou que a Infovia, interligada à banda larga nacional, vai chegar a todos os municípios do estado, num primeiro momento, apenas para órgãos públicos. “Esse programa já está com o projeto definido que passará por toda rede da BR-364 onde percorre cidades como Rolim de Moura, Espigão D’Oeste, Guajará-Mirim e Nova Mamoré”, conta.

O ministro das Comunicações ressaltou a importância do investimento para a administração pública do estado e para a população. “A fibra vem desde Brasília até Rondônia e segue para o Acre, e isso dará condições de altíssima qualidade fazendo com que melhore muito a internet nas cidades de Rondônia”, enfatiza

O investimento é de quase R$ 4 milhões. Para o governo, proporcionará uma redução nos custos de comunicação e infraestrutura de suporte seguro na implantação de políticas públicas.

Um comentário:

  1. O governador anchieta, de Roraima, gastou mais de 70 milhoes de reais pra fazer metade disso, num contrato com a Oi.

    ResponderExcluir

Se você tem conta no Google, identifique-se e deixe aqui seu comentário, com críticas, sugestões e/ou questionamentos.