sábado, 25 de maio de 2013


SDE quer concretizar negócios em tecnologia

Diário do Nordeste - 25/05/2013

Secretaria tem na mira a instalação de um Ponto de Troca de Tráfego entre o Brasil e o exterior para a Capital

Fortaleza planeja receber o primeiro Ponto de Troca de Tráfego (PTT) do Brasil. O empreendimento faz parte dos planos de investimento em infraestrutura do Ministério das Comunicações (MiniCom) e deve beneficiar diretamente as operadoras de telefonia, que chegam a gastar US$ 500 milhões anualmente com a troca de informações entre o Brasil e o exterior (Estados Unidos e Europa) via cabos submarinos de fibra óptica.

Além do ponto a ser instalado pelo MiniCom, Castro afirmou que negocia com a Telebrás mais empreendimentos para a Praia do Futuro
De acordo com Robinson de Castro, titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) da Prefeitura e responsável pela formação do Parque Tecnológico da cidade, representantes do próprio MiniCom falaram do projeto para ele, quando foi à Brasília. "Com um equipamento desses nós vamos ter tecnologia de ponta no Estado e também deveremos ter banda larga mais barata", afirmou.

No entanto, a chegada do empreendimento à Capital cearense ainda dependerá de um edital, segundo o secretário, que deve ser lançado nos próximos meses. "Mas Fortaleza tem credenciais. Nós estamos em um local mais perto da Europa e dos Estados Unidos e temos estrutura", ressaltou Castro.

Atualmente, a Capital é a cidade mais conectada via cabos de fibra óptica de todo o Nordeste e, vencendo o edital, tornaria-se a primeira cidade do País a possuir um equipamento do tipo.

Telebrás e novos negócios

A negociação com a Telebrás para a instalação de um data center na Praia do Futuro também evoluiu, conforme afirmou o titular da SDE. Com o interesse da estatal mantido, a Prefeitura disse que pediu em troca do terreno que irá ceder "uma estação de cabos e outra de satélites, além de um centro de pesquisa" - todos para aquela região da orla.

A confirmação do negócio, no entanto, segue condicionada ao encontro do presidente da Telebrás, Caio Cezar Bonilha, com o prefeito Roberto Cláudio - ainda sem data definida.

Os vários equipamentos citados por Castro deverão reforçar o projeto do Parque Tecnológico de Fortaleza, previsto para ser formado na Praia do Futuro.

Empresas locais e ganhos
Perguntado sobre a articulação com os empresários locais de Tecnologia da Informação e Comunicação, o secretário afirmou que tem agendado com representantes do setor cearense na primeira semana de junho.

"Nós queremos juntar as pontas, pois esperamos atrair grandes empresas da área de tecnologia para cá, tanto de dentro quanto de fora do Brasil, e queremos fortalecer os nossos empresários antes", garantiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você tem conta no Google, identifique-se e deixe aqui seu comentário, com críticas, sugestões e/ou questionamentos.