terça-feira, 9 de abril de 2013

Decreto vai reduzir preço de smartphones em até 30%

Conexão MiniCom - 09/04/2013

Para entrar em vigor, desconto depende de uma portaria do MiniCom a ser publicada nos próximos dias

Repórter: Em breve, o consumidor vai ver nas vitrines. Os smartphones vão ficar mais baratos. Saiu o decreto que corta impostos dos celulares inteligentes com acesso à internet 3G e 4G, e vai reduzir os preços em até 30% em relação aos aparelhos importados. Vão receber o benefício, os smartphones com valor de até R$ 1.500. O objetivo é aumentar o acesso da população à banda larga móvel e ampliar a participação dos aparelhos inteligentes no mercado. Em 2012, de cada quatro celulares vendidos, um era smartphone. Em 2014, a estimativa é aumentar essa fatia para metade das vendas. O ministro das Comunicações Paulo Bernardo explicou que a baixa dos preços deve ser rápida, já que a desoneração de impostos vai acontecer diretamente na venda ao usuário:

Paulo Bernardo, ministro das Comunicações: A desoneração é boa porque ela vai ser dada para o consumidor, vai significar preço mais barato, então quem quiser dar um celular de presente, um smartphone, no dia das mães, por exemplo, vai pagar menos que isso.

Repórter: O ministro também afirmou que é obrigação das empresas oferecer um serviço de qualidade, mesmo com o aumento do número de celulares.

Paulo Bernardo, ministro das Comunicações: E as empresas devem se virar nos 30 para prestar um serviço de qualidade que é a obrigação delas. Nós estamos ajudando na parte de desoneração de infraestrutura, que eu acho que é o grande gargalo que nós temos.

Repórter: O ministério das Comunicações vai editar nos próximos dias uma portaria com os requisitos técnicos que os aparelhos devem possuir para ter acesso ao corte de impostos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você tem conta no Google, identifique-se e deixe aqui seu comentário, com críticas, sugestões e/ou questionamentos.